Menu fechado

veja como fazer » FDR.com.br

veja como fazer » FDR.com.br

No início do próximo ano, os motoristas brasileiros deverão realizar o pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). Para que esses contribuintes organizem as suas finanças no final do ano, os estados começam a disponibilizar o valor a ser pago. E permite que os interessados possam consultar valor IPVA 2020 em seus portais. 

Consultar valor IPVA 2020: veja como fazer
Consultar valor IPVA 2020: veja como fazer

O IPVA é um imposto anual estadual e o valor que será pago pelo contribuinte varia conforme o Estado em que o veículo está registrado.

O dinheiro arrecado é destinado ao financiamento dos serviços públicos tanto do estado, como do municípios em que foi emplacado. Incluindo as áreas da saúde, educação e transporte.

Leia também: IPVA RJ 2020: quem precisa pagar?

O preço do imposto varia dependendo do automóvel, sendo o resultado da multiplicação entre a alíquota definida na legislação estadual. E o valor do veículo conforme indica a tabela Fipe. 

Em praticamente todos os casos as datas que são definidas para o pagamento levam em consideração os números finais das placas dos veículos. 

Consultar IPVA 2020

Para consultar o IPVA 2020, e se antecipar quanto ao valor cobrado no imposto, é necessário que o contribuinte entre no site da Secretaria da Fazenda de seu estado. Procurar e clique na aba “IPVA”.

Como esse exemplo da Secretaria da Fazenda de São Paulo, o menu da primeira página já traz essa opção.

Em seguida, basta escolher  “Consultar débitos” ou um termo similar.

Após isso, é preciso informar o Renavam, a Placa do carro e realizar a comprovação de não ser um robô e clicar em consultar.

Ao informar esses dados o contribuinte será redirecionado para a página em que irá realizar a consulta.

Assim, o motorista consegue consultar IPVA 2020 informações como: data para o pagamento, condições de pagamento, descontos e parcelamento.

Os motoristas que não realizarem o pagamento deverão ficar cientes de que quando forem quitar o tributo serão cobrados juros e multas pelo atraso.

Além disso, o não pagamento desse imposto impede de realizar o licenciamento do veículo, que é imprescindível para que esse possa circular pelo país.

O IPVA atrasado também é considerado como infração gravíssima, que pode gerar uma multa ao proprietário e em alguns casos o veículo pode ser apreendido.

 

Jheniffer Freitas é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). É redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças diariamente.

Artigo Original

Deixe uma resposta