Menu fechado

Quer estudar nos Estados Unidos? Veja dicas de como fazer

Quer estudar nos Estados Unidos? Veja dicas de como fazer

Muitos brasileiros sonham em estudar nos Estados Unidos. Neste artigo, vamos dar dicas de como fazer para realizar este sonho. São vários os tipos de cursos nos Estados Unidos, é possível cursar o ensino médio, uma faculdade ou mesmo fazer um curso de idiomas nas férias.

Quais cursos estão
disponíveis nos Estados Unidos?

As
oportunidades de estudos nos Estados Unidos são das mais variadas. É possível
cursar uma universidade (College) ou o ensino médio (High School) em solo
americano e ainda com bolsa de estudos.

Para
conseguir uma bolsa em algum colégio ou faculdade nos Estados Unidos, é essencial
que o estudante domine o inglês e tenha boas notas em seu currículo escolar.
Além da inscrição, o estudante passará por testes de proficiência de inglês
onde será avaliado em várias disciplinas.

E para quem
deseja apenas passar um tempo nos Estados Unidos, tendo uma experiência mais
curta, pode aproveitar as oportunidades de intercâmbio para estudos.
Geralmente, são oferecidos cursos de extensão em intercâmbio, ideais para quem
quer passar as férias estudando em solo americano.

Os cursos de
extensão, geralmente estão ligados ao aprendizado de idiomas. Estes são ideais
para quem deseja se tornar fluente no inglês, por exemplo. Também existem
outros cursos ligados a matérias e temas específicos, mais indicados para quem
já domina o inglês e quer aprofundar seus conhecimentos em alguma área.

Este tipo de
curso tem uma duração menor. A maioria dura entre duas semanas e um mês, mas há
também cursos de extensão que duram entre três e seis meses. Apesar de serem
cursos livres, os cursos de extensão são uma excelente experiência para
estudantes brasileiros no exterior.

Confira
nossas dicas para conseguir uma vaga para estudar nos Estados Unidos:

Se prepare para o
processo seletivo!

Essa é uma
dica essencial, principalmente para estudantes que estão buscando uma bolsa de
estudos em universidades ou colégios norte-americanos. É preciso se planejar
bem para enfrentar os processos seletivos e garantir uma vaga.

É importante
saber que os processos diferem de instituição para instituição. O método de
prova é um pouco diferente do que o adotado no Brasil, apesar do conteúdo ser
parecido, as perguntas nos testes são mais diretas e requerem respostas
objetivas.

O ideal para
que o estudante possa se adaptar e não seja surpreendido na hora do exame é que
ele faça o maior número de simulados possíveis. Outra boa dica para ganhar um
“upgrade” em sua candidatura a uma bolsa de estudos é contar com indicações de
seus professores.

As cartas de
recomendação devem destacar suas habilidades específicas, citando se possível
atividades extracurriculares realizadas no Brasil. Outro fator essencial para
conseguir uma bolsa é ter boas notas no currículo escolar.

E por fim,
destacamos a necessidade de tranquilidade durante a entrevista, momento final
da avaliação. Isso é essencial para mostrar aos avaliadores que você tem o
perfil perfeito para a vaga.

E como essas entrevistas costumam durar bastante tempo (quase 2 horas) é essencial que você domine o idioma e esteja tranquilo. 

Quer estudar nos Estados Unidos? Veja dicas de como fazerQuer estudar nos Estados Unidos? Veja dicas de como fazer

Pense em todos os custos
envolvidos e organize as finanças

Essa é uma
dica muito importante, tanto para quem quer fazer uma faculdade nos Estados
Unidos como para quem quer fazer um curso de extensão. É fundamental que você
possa mensurar todos os custos envolvidos durante a sua estadia em solo
americano.

A nossa dica
é que você avalie primeiro o custo de vida na cidade onde você viverá nos EUA.
É necessário pensar quanto você gastará com acomodações, com transporte,
alimentação, etc. Dessa forma, é possível achar alojamentos ou hospedagens mais
baratos e optar por morar em cidades com transporte público e com um custo de
alimentação razoável.

Essa
organização é essencial para que você não passe por nenhum “perrengue” enquanto
estiver morando nos Estados Unidos. Por isso, além dos custos com viagem, é
necessário mensurar tudo o que está envolvido com uma vaga de estudo nos EUA.

Como tirar o visto de
estudante para estudar nos EUA?

Muitos
estudantes brasileiros que sonham em estudar nos Estados Unidos tem dúvidas
sobre o visto de estudante. Por isso, separamos este tópico para explicar de
maneira bem objetiva, como acontece o processo de tiragem do visto de estudante
para os EUA. Confira o nosso passo a passo abaixo:

  • Planejamento: O processo leva tempo e por isso é essencial que você se planeje e pegue dicas com amigos para realizá-lo da melhor maneira possível.
  • Seja aceito (a) por uma instituição de ensino americana: Para solicitar o visto, você precisará comprovar que foi aceito por uma instituição de ensino americana, isso também definirá qual é o tipo de visto que você deve tirar.
  • Preencha todos os formulários necessários.
  • Pague a taxa SEVIS: Essa taxa é para efetuação do seu cadastro no sistema SEVIS, que regula os estudantes e intercambistas nos EUA. O valor gira em torno de 200 dólares.
  • Faça a sua solicitação de visto, se inscrevendo pelo site da embaixada norte-americana no Brasil.
  • Se prepare para a entrevista: Geralmente, os estudantes passam por uma entrevista na embaixada, onde devem se mostrar prontos para estudar nos EUA.
  • Acompanhe o resultado do processo: Depois de realizar os passos acima, você deve acompanhar atentamente o processo de solicitação do visto. Para isso, basta entrar no site da embaixada dos EUA e checar diariamente o seu e-mail.

Leia também: Day Spa do Ponta dos Ganchos Spa by Sisley Paris

Artigo Original

Deixe uma resposta