Menu fechado

Filhos estão crescendo? Veja como fazer a transição do quarto de criança para o de adolescente – O Paraná

Filhos estão crescendo? Veja como fazer a transição do quarto de criança para o de adolescente – O Paraná

A adolescência é um período de muitas mudanças. Os filhos começam a deixar de lado os brinquedos e passam a ter outros interesses. Inclusive, o quarto infantil começa a perder a graça e até mesmo a incomodar. Nesse momento, é preciso fazer uma mudança e deixar o ambiente mais próximo ao que seu filho gosta.

Os tapetes e toda a decoração de bichinhos ou personagens vão ser trocados por algo diferente. Quadros e pôsteres assumem as paredes e os lençóis e cobertores passam a ser apenas coloridos. Para os que gostam de ler, vale a pena até trocar a mesinha infantil por uma poltrona de leitura.

Mudanças aos poucos

Apesar de o adolescente ter pressa em eliminar a decoração infantil para não ser visto como muito criança pelos amigos, a transição pode ser feita aos poucos. O ideal é conversar com seu filho e perguntar o que ele deseja fazer com os brinquedos, por exemplo.

Alguns brinquedos provavelmente serão guardados como recordação da infância, enquanto outros podem ser doados. Se o adolescente desejar, é possível guardar todos em uma caixa até que possam ser separados, ou movê-los para outro quarto da casa.

Depois, vêm os lençóis de cama e a decoração das paredes. Como seu filho já está maior, você pode consultá-lo sobre a mudança da pintura das paredes e que cores ele gosta mais para a roupa de cama.

O que mudar?

Como as necessidades e desejos dos adolescentes são diferentes daqueles das crianças, o ideal é focar em mudar:

Móveis

Crianças geralmente têm em seus quartos uma cômoda e um guarda-roupa pequeno, já que não se preocupam muito com as peças de roupa e usam apenas o

que os pais compram. Já os adolescentes querem ter mais opções, então vão precisar de um guarda-roupa maior e mais adulto, sem desenhos.

A cama também precisa ser mudada, caso ainda seja utilizada a infantil, com grades. É indicado passar para a cama de solteiro ou até de casal, já que adolescentes gostam de espaço e querem se sentir confortáveis.

Para as meninas

A cama-baú ou com gavetas na parte de baixo pode ser interessante para as meninas guardarem objetos pessoais.

Cortinas

É provável que o quarto da criança tivesse cortinas com desenhos ou tons delicados, como azul e rosa-bebê. Agora é o momento de buscar algo mais prático e menos infantil.

Para alguns adolescentes, utilizar apenas o blecaute será suficiente, já que o intuito é deixar o quarto escuro durante a noite. Para outros, é interessante apostar nas persianas, que são mais práticas.

Como ainda não são adultos, a dica é apostar em persianas com cores mais ligadas à adolescência, como preto e roxo para as meninas e azul-escuro ou preto para os meninos.

Espaço para estudos

Conforme seu filho vai crescendo, vai ganhando mais responsabilidades. Antes, os estudos eram feitos na sala, com os pais por perto, e agora ele vai querer estudar sozinho.

Se já havia mesinha infantil para estudos, basta trocá-la por uma escrivaninha. O importante é que seja confortável e permita ao adolescente guardar seus materiais e manter o foco. O móvel também é mais neutro, podendo ser de vidro ou madeira, e deve contar com uma cadeira de escritório.

Almofadas e pufes

Se houver espaço, saiba que seu filho(a) adolescente vai querer receber os amigos para jogar videogame ou conversar. Para isso, o ideal é proporcionar conforto no quarto. Mesmo quando estão sozinhos, adolescentes gostam de passar boa parte do tempo em seus quartos.

Para isso, aposte em almofadas ou pufes, que podem ser colocados no chão para ficar mais à vontade. Nesse momento, a escolha também é do seu filho. Ele é quem

vai definir a cor desses itens. Meninas podem preferir tons mais ligados ao vermelho e ao roxo, enquanto que os meninos podem escolher tons mais escuros, como preto, azul e cinza.

Quadros para as paredes

Os quadros infantis que fazem parte da decoração darão lugar a quadros mais descolados. Ao invés de desenhos animados ou princesas, as paredes agora serão decoradas com frases e painéis de fotos.

O painel é ótimo para incentivar o adolescente a criar recordações, e os pais devem deixar que os filhos escolham quais fotos serão colocadas ali.

O que pode ser reaproveitado

Para reaproveitar itens do quarto infantil no quarto de um adolescente, os pais devem pensar em algo funcional, que possa durar por mais tempo. Nesse caso, os nichos ou prateleiras são úteis, principalmente quando já foram escolhidos em uma cor neutra, como o branco.

Luminárias que trazem personagens que vão além da infância também podem permanecer por mais tempo, já que o adolescente não vai se sentir muito criança ao ter isso em seu quarto.

 

Artigo Original

Deixe uma resposta