Menu fechado

Como fazer para dar baixa no MEI? – Jornal Contábil

Como fazer para dar baixa no MEI? – Jornal Contábil

Seja qual for o motivo, talvez você precise fazer a baixa MEI e deixar para trás a vida de Microempreendedor Individual. A necessidade de cancelar o MEI pode surgir se o empreendedor precisar mudar o regime de empresa, for entrar em uma sociedade, ou até mesmo se arrumou outra ocupação profissional que não precise de um CNPJ MEI.

O processo para isso pode parecer confuso, mas nós separamos algumas dicas para ajudar a resolver esta situação e evitar pendências futuras

Antes de fazer a baixa MEI é importante saber…

Se você trabalha como Microempreendedor Individual (MEI), mas quer encerrar o registro, você pode fazer o processo pelo site do Portal do Empreendedor. Mas antes, é preciso estar atento com alguns detalhes:

  • Posso dar baixa no MEI mesmo com boletos DAS atrasados? Sim, é possível cancelar a inscrição mesmo sem o pagamento dos boletos vencidos, mas a dívida continuará ativa, e você deve realizar os pagamentos dos DAS que foram gerados até o momento da baixa MEI.
  • Cancelei o MEI, mas já tinha um boleto DAS do mês seguinte. Preciso quita-lo? Sim, será necessário pagar o boleto (DAS) que vencerá no próximo mês. Depois disso, não serão gerados mais boletos do imposto DAS.
  • Dei baixa no meu CNPJ MEI, mas agora preciso de um CNPJ novo. O que faço? Mesmo fazendo a baixa MEI, é possível abrir outra empresa, com outro CNPJ, quando quiser. Vale lembrar que o seu novo CNPJ será diferente do atual, já que não é possível recuperar o CNPJ MEI baixado.

Quero cancelar MEI, como faço?

Agora que você decidiu seguir em frente com o cancelamento do seu CNPJ MEI, você precisará seguir algumas etapas.

Para cancelar MEI, é necessário acessar o Portal do Empreendedor e solicitar a baixa do seu registro. Depois desse cancelamento, o Microempreendedor Individual deverá preencher seus dados para a Declaração Anual do MEI. É preciso realizar essa Declaração de Exclusão na hora de fechar o MEI, para que a baixa no CNPJ esteja completa.

É importante saber que ao dar baixa MEI, com base no artigo 9º da LC nº 123, que este cancelamento será livre das regularidades de obrigações tributárias, previdenciárias ou trabalhistas, sem futuros prejuízos.

Apesar disso, a baixa MEI não impede que sejam lançados débitos antigos, impostos ou outras pendências diretamente no seu CPF. Por este motivo, é preciso estar atento aos detalhes.

DICA PARA CONTADORES: O primeiro passo da carreira

Atenção você contador ou estudante de contabilidade, o trabalho para seguir com sucesso na carreira profissional é árduo, inúmeros são os desafios que vamos precisar superar nessa jornada. Mas tenha em mente que o conhecimento é o maior bem que você pode ter para conseguir conquistar qualquer que seja os seus objetivos.

Exatamente por isso apresentamos para você o curso CONTADOR PROFISSIONAL NA PRÁTICA, curso este aprovado por inúmeros alunos e que vem gerando uma revolução no conhecimento e na carreira de profissionais contábeis.

O curso é sem enrolação, totalmente prático, você vai aprender todos os processos que um contador experiente precisa saber. Aprenda como abrir, alterar e encerrar empresas, além da parte fiscal de empresas do Simples Nacional, Lucro Presumido e MEIs. Tenha todo o conhecimento sobre Contabilidade, Imposto de Renda e muito mais. Está é uma ótima opção para quem deseja ter todo o conhecimento que um bom contador precisa ter, quer saber mais? Então clique aqui e não perca esta oportunidade que com certeza vai impulsionar sua carreira profissional!

Conteúdo original MEI Fácil

Artigo Original

Deixe uma resposta