Menu fechado

Como fazer o cadastro do PIS na internet; entenda o processo!

Como fazer o cadastro do PIS na internet; entenda o processo!

No caso da empresa contratante ser a primeira a assinar a carteira do trabalhador ela então deve ficar responsável por cadastrar o PIS, contudo, só pode ser feito pela empresa que possua CNPJ ou toda pessoa com cadastro de pessoa física mas que se equipara à pessoa jurídica, cadastrada no CEI (Cadastro Específico do INSS).

O empregado como interessado direto deve saber o funcionamento do processo.

Com o crescimento do número de MEI (Microempreendedor Individual) no Brasil, nos últimos anos e que permite a contratação de 1 funcionário por empresa, muitas dúvidas tem surgido quanto a esse cadastramento.

O cadastramento possibilita ao cidadão a consulta e saque de benefícios sociais administrados pela Caixa, caso tenha direito, como por exemplo o FGTS, Seguro-desemprego, Abono Salarial do PIS, Bolsa Família entre outros.

Mas é importante atentar que antes de realizar o cadastro do trabalhador no programa é preciso ter certeza absoluta de que ele nunca foi cadastrado antes, já que o cadastro duplicado pode ser aprovado pelo sistema devido a um erro no banco de dados e dessa forma causar problemas ao trabalhador e também à empresa.

Como fazer o cadastro do PIS na internet
Como funciona o cadastro do PIS na internet para evitar problemas; entenda o processo

Como cadastrar o PIS

O empresário possui duas formas de cadastramento do trabalhador no Programa do PIS:

  1. através do cadastramento em lote
  2. e uma maneira mais conveniente, através da internet.

Cadastramento pela internet

Para cadastrar o PIS pela Internet pode ser feito pelo site da Caixa. Entretanto, é necessário solicitar a senha de acesso o que deve ser feito pelo representante legal da empresa.

Em seguida, após acessar a página do banco, clique em “Cadastrar Senha” logo e preencha todos os campos normalmente.

Com a senha cadastrada, você deverá ir até a agência mais próxima, ou a que possua um vínculo, com os seguintes documentos em mãos:

  • Documentos relativos à constituição da empresa e do representante legal.
  • Formulário FICUS/E preenchido e assinado.
  • Uma cópia de identidade e CPF do usuário que acessará o sistema.
  • Uma cópia de procuração, quando se tratar de cadastramento realizado por procurador.

Após levar os documentos, estando tudo em ordem, o empresário poderá cadastrar seus funcionários pela Internet acessando o mesmo link.

Cadastramento do PIS em lote

Esse cadastramento é acessado pelo Sistema de Conectividade Social (CNS) o que requer a geração do arquivo e sua postagem pela Caixa Postal do CNS, serviço: Envio de Arquivo Cadastro NIS.

Após receber o arquivo, caso tudo esteja correto, a empresa recebe os números dos NIS incluídos e com os códigos de retorno.

O acesso ao CNS é feito por meio de certificado digital padrão ICP-Brasil.

Caso a empresa já possua acesso ao pacote básico de operações, a opção ENVIO DE ARQUIVO CADASTRO NIS aparecerá automaticamente.

Contudo, como esse é um procedimento que pode gerar muitas dúvidas, é aconselhável baixar os seguintes documentos disponibilizados pela Caixa: Layout Padrão Empresa e Envio de arquivo CNS – Orientações.​

Além disso, contar com os serviços profissionais de uma empresa de contabilidade para orientar e até conduzir esse processo, certamente, é bastante válido.

Leia ainda:MEI pode mudar de microempreendedor individual para Microempresa? Entenda

Artigo Original

Deixe uma resposta