Menu fechado

Como fazer de uma casa um Lar

Como fazer de uma casa um Lar

Depois de um exaustivo dia de trabalho ou do enfrentamento de violentas tempestades que a vida impõe a todos, é à casa que as pessoas almejam chegar para repouso e reposição das energias que irão sustê-las para os novos embates do dia seguinte. No entanto, serão muito mais assistidos e, consequentemente melhores alicerçados, com mais amor, força e segurança, aqueles que retornam, não a uma simples casa, mas a um lar.

É no lar onde residem aqueles que lhes são mais caros, mais queridos. A razão que os tornam perseverantes na luta contra os “dragões” e os “gigantes” do cotidiano para que possam não só continuar a jornada, como também obter as maiores conquistas.

Lar é um ambiente sagrado onde o indivíduo vive em harmonia com sua família. Um lugar onde os laços de amor, respeito, companheirismo, cumplicidade, reciprocidade e alegria, se fortalecem dia a dia.

Uma simples casa não tem a capacidade de abrigar uma família em amor e harmonia. Somente um lar tem esse poder de fazer com que todos cresçam como pessoas e em espírito, ambos saudáveis.

E para transformar uma casa em lar, um local de refúgio da família, onde ela fica longe dos problemas e conflitos do mundo lá fora, é preciso que o indivíduo trabalhe com amor, sabedoria e a indispensável ajuda de Deus. Sim! Isso mesmo! Sem as bênçãos do Senhor não tem como edificar e manter um lar.

As Escrituras Sagradas nos ensinam sobre isso em inúmeras passagens como em Salmos 127: “Se o Senhor não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam”. Em Atos 16:31: “Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo, tu e a tua casa”.

O Senhor faz também importante analogia para demonstrar a Sua importância no lar, como pode ser visto em Mateus 7: 24-27, que em resumo compara aqueles que escutam as Suas palavras e as praticam, como um homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha e não sobre a areia.

Além de alicerçar em Deus o seu lar, o homem também precisa:

– Criar sempre um clima de tranquilidade no lar, mantendo-o limpo, arejado e agradável;

– Resolver as divergências rapidamente e em particular, evitando guardar mágoas e rancor;

– Evitar brigas, ofensas e hostilidades. Nada de ofensas morais com gritos e palavrões. Jamais!

– Mostrar aos filhos como resolver conflitos, dando-lhes seu exemplo carinhoso;

– Procure sempre oportunidades de demonstrar apreço e gratidão às pessoas da família;

– Mostrar que você as ama e é importante que diga isso a elas;

– Deixe bilhetinhos ou presentinhos em lugares onde o membro da família possa encontra-los;

– Peça aos filhos que os ajudem em projetos divertidos como fazer um prato especial para a família, um artesanato, um conserto ou reforma de algum ambiente ou objeto;

– Estabeleça um dia na semana sem televisão e sem celulares para que todos se dediquem ao diálogo, às lembranças e histórias da família, que produzem boas risadas e fortalece os laços;

– A oração em família, assim como o estudo das Escrituras Sagradas exerce também um fortalecimento excepcional do lar e de todos que ali habitam.

Alguém já disse e é uma grande verdade, que o lar enfim, é de suma importância na vida humana, pois é o berço de costumes, hábitos, caráter, crenças e morais de cada ser humana, seja no contexto mundial, nacional, municipal ou familiar. Logo, se o lar vai bem, o mundo também vai bem.

 

*Jornalista e Professor – wilsonaquino2012@gmail.com

Deixe seu Comentário

Veja Também

Artigo Original

Deixe uma resposta