Menu fechado

Como fazer a sua oração de Oferecimento da Manhã

Como fazer a sua oração de Oferecimento da Manhã
A oração de Oferecimento da Manhã é antiga – e é um hábito fácil de adquirir.

Alguns anos atrás, durante a Quaresma, um amigo me enviou algumas orações de oferecimento. Eu li que a oração da manhã é uma forma de oferecer a Deus todo o dia que vem pela frente – o bem e o mal, as provações e sacrifícios, bem como as alegrias e bênçãos. Eu comecei a fazê-la todas as manhãs e logo estava habituada.

Como muitos católicos, eu já costumava fazer oferecimentos pontuais aqui e ali ao longo do dia:

“Meu Deus, eu Te ofereço o meu esforço para lidar com este aborrecimento! Me ajuda!”

Isso envolvia muitos aspectos do cotidiano: desde a espera de duas horas no consultório médico até o fato de meu filho ter abandonado a fé, passando por qualquer outro tipo de problema, eu sempre tentaria colocar nas minhas orações do dia-a-dia uma infinidade de intenções. Com o oferecimento da manhã, o dia inteiro já é “coberto” com antecedência, de modo que, ao longo da jornada, se torna mais espontâneo ir renovando as ofertas espirituais.

Podemos transformar o nosso dia inteiro numa contínua oferta através desta oração simples, começando o dia por entregá-lo a Deus através da Sua Mãe Santíssima. A oração dedica todo o nosso dia e todo o nosso ser a Deus. Todos os nossos esforços são voltados ao propósito de Deus de nos santificar!

Esse hábito renova a nossa consciência de que cada dia é um presente inspirador de gratidão pelas bênçãos e alegrias vividas – e pode ser praticado em menos de três minutos!

Durante séculos, as pessoas fizeram variações da prece de oferecimento da manhã. Uma das versões mais conhecidas hoje é esta, composta pelo pe. Francois Xavier Gaulrelet em 1844 para o seu ministério de Apostolado da Oração, que ele fundou naquele mesmo ano:

“Jesus, através do Imaculado Coração de Maria, ofereço-Vos as minhas orações, obras, alegrias e sofrimentos deste dia por todas as intenções do Vosso Sagrado Coração, em união com o Santo Sacrifício da Missa por todo o mundo, pela salvação das almas, pela reparação dos pecados, pela união de todos os cristãos e, em particular, pelas intenções do Santo Padre neste mês. Amém”.

O Papa São João Paulo II disse, certa vez, que a prática de rezar o oferecimento da manhã é “de importância fundamental na vida de todos e de cada um dos fiéis“. É um lembrete diário a tornarmos toda a nossa vida “um sacrifício vivo, santo e agradável a Deus” (Romanos 12, 1).

Esta oração vai fazer diferença na sua vida. E você vai querer rezá-a todos os dias, o ano todo.

__________

Adaptado de artigo de Patty Knap

Artigo Original

Deixe uma resposta