Menu fechado

Cereais para o café da manhã? Veja como fazer uma boa escolha – 05/08/2019

Cereais para o café da manhã? Veja como fazer uma boa escolha - 05/08/2019

Os especialistas não têm dúvidas de que a primeira refeição do dia é muito importante. Isso porque, depois de tantas horas em jejum, o ideal é que o corpo receba doses de carboidratos, vitaminais, minerais e fibras para enfrentar o restante do dia. E isso é possível com a ingestão de cereais matinais. Além disso, já é comprovado que a turma que ingere esse tipo de alimento sofre menos com obesidade, pressão alta e níveis elevados de glicose no sangue.

Infelizmente, ele faz parte do cardápio de poucas pessoas. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apenas 2,2% da população tem esse hábito. Mas para que esses resultados realmente apareçam, é necessário tirar alguns minutinhos para analisar os rótulos dos produtos, pois existem muitas opções no mercado e algumas com grandes quantidades de açúcar e gorduras. Ou seja, não é porque é granola que é saudável, viu? Confira algumas dicas para facilitar essa missão:

Prefira as aveias e as granolas, mas cuidado com seu escolhido!
Os produtos com ingredientes como açúcar e chocolate devem ser evitados, portanto leia bem a lista de ingredientes.

Outras informações devem ser checadas
Existem diversas opções de produtos no mercado, especialmente no que diz respeito às granolas, por isso é preciso checar a lista de ingredientes antes de colocá-lo no carrinho. O ideal é que não contenham maltodextrina, mel e açúcar. Se esses itens aparecerem na relação, devem estar nos últimos lugares, o que indica que estão presentes em pequenas quantidades.

Confira as informações nutricionais em todos os casos
O ideal é que o alimento tenho no mínimo 3 gramas de fibras por porção e aveia, castanhas, flocos de milho sem açúcar, frutas desidratadas, sementes são itens sempre bem-vindos na sua composição

Na hora do consumo, misture-o com alimentos desnatados
Isso porque, os leites e iogurtes desse tipo têm menos gorduras. Comer os cereais com frutas ou colocá-las na mistura com os laticínios também é uma boa ideia.

Nem sempre os produtos light são bons negócios
Em alguns casos, para diminuir a quantidade de açúcar e gordura do alimento, a indústria acrescenta outros elementos que não são tão saudáveis, como adoçantes, por exemplo.

De olho no rótulo

Leia o rótulo atentamente antes de colocar o cereal no carrinho
Opte sempre por aqueles com o mínimo de sódio e gorduras saturadas na sua composição. Os que têm gordura trans ou gordura vegetal (outro nome da trans) devem ser deixados de lado, pois essa substância eleva os níveis do mal colesterol e reduz os do bom, colocando o coração em risco.

Confira a embalagem com cuidado
Entre a caixa de papelão com o saquinho dentro e os produtos que são vendidos apenas em sacos plásticos não há muita diferença em relação à proteção do alimento, mas é imprescindível que estejam intactas e que sejam pigmentadas, ou seja, com desenhos, pois essa característica protege o alimento contra a luz solar e artificial.

Informação nutricional

Aveia em flocos

  • Porção 30 gramas (2 colheres de sopa)
  • Valor energético: 105 kcal
  • Carboidratos: 16 g
  • Proteínas: 4,6 g
  • Gorduras totais: 2,3 g
  • Gorduras saturadas: 0,4 g
  • Fibras: 3,4 g

Granola

  • Porção 30 gramas (2 colheres de sopa)
  • Valor energético: 116 kcal
  • Carboidratos: 18,75 g
  • Proteínas: 3,9 g
  • Gorduras totais: 3 g
  • Gorduras saturadas: 0,8 g
  • Fibras: 2,5 g

Flocos de milho sem açúcar

  • Porção 30 gramas (3/4 de xícara)
  • Valor energético: 112 kcal
  • Carboidratos: 24 g
  • Proteínas: 2,1 g
  • Gorduras totais: 0,7 g
  • Gorduras saturadas: 0 g
  • Fibras: 1,2 g
  • Flocos de milho com açúcar
  • Porção 30 gramas (3/4 de xícara)
  • Valor energético: 116 kcal
  • Carboidratos: 25 g
  • Proteínas: 1,8 g
  • Gorduras totais: 0,7 g
  • Gorduras saturadas: 0 g
  • Fibras: 1,2 g

Cereal matinal com chocolate

  • Porção 30 gramas (3/4 de xícara)
  • Valor energético: 116 kcal
  • Carboidratos: 24 g
  • Proteínas: 1,9 g
  • Gorduras totais: 1,4 g
  • Gorduras saturadas: 0,5 g
  • Fibras: 1,7 g

Fontes: Clarissa Casale Doimo, nutricionista com pós graduação em nutrição aplicada ao exercício físico pela Universidade de São Paulo e pós graduada em alimentação vegetariana pela Sociedade Vegetariana Brasileira, de Piracicaba, interior de São Paulo.

Artigo Original

Deixe uma resposta